quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Dica de festa - Sanduíche de metro sem lactose


Os baguetões da Empório Delitalia

Procurando opções sem lactose para servir nas nossas festinhas particulares, me veio a idéia de fazer um sanduíche de metro sem lactose. É muito fácil e prático de fazer, além de render muito. É tão fácil que eu nem o considero como uma receita. (rs)


Os materiais necessários são:


- Pão de metro com ou sem gergelim (você pode encomendá-lo em qualquer padaria, o nome muda de acordo com a cidade, aqui em Brasília chamam esse pão de "filão", em Fortaleza o chamam de "baguetão").
- Maionese (eu costumo usar a Hellmann´s da tampa laranja que não contém leite e derivados)
- Atum sólido em óleo ou  Blanquet de Peru para o recheio
- Alface americana
- Tomates
- Rolo de papel manteiga

Como fazer: 


Eu estendo o papel manteiga na mesa, corto no tamanho do pão e coloco o pão em cima. Assim, facilita na hora de transferí-lo depois de pronto para outro lugar. Se você tiver uma bandeja grande e comprida não precisa do papel, mas dá pra servir o pão em cima do próprio papel manteiga, caso não tenha.
Abro o pão de fora a fora e passo maionese em ambos os lados.
Se for fazer o recheio de atum, você escorre o óleo, transfere para uma outra vasilha, passa a colher para ele esfarelar e mistura com um pouco de maionese, só para deixar o atum mais molhado e cremoso, não coloco nem demais nem de menos, só o suficiente para facilitar na hora de espalhar no pão. Espalho essa mistura no pão todo (para um pão grande, duas latas de atum são suficientes). 
Se quiser o recheio de blanquet de peru, depois de passar a maionese no pão, é só distribuir as rodelas uma ao lado da outra cobrindo todo o pão.
Lavar bem as folhas de alface e os tomates fazendo a desinfecção com hipoclorito de sódio, enxaguar bem, depois secar tudo e cortar os tomates em rodelas finas.
Colocar as rodelas de tomate em cima do recheio escolhido ao longo de todo o pão, depois repetir o processo com a alface americana.
Aí é só fechar o pão e com uma faca de serra cortar fatias de aproximadamente dois dedos de largura, tendo o cuidado para não cortar o papel manteiga junto. Como nesse processo faz muita sujeira com os bagacinhos do pão, o papel facilita na hora de sacudir e deixar limpinho e apresentável para servir.
Depois de pronto, você pode enfeitar com tomatinhos cereja espetados em palitos de dente, junto com folhinhas de hortelã ou manjericão. Fica ainda mais charmoso quando sinalizamos os sabores com plaquinhas. Assim, se quiserem fazer opções com e sem lactose poderão diferenciá-las.
Você pode inventar muito outros recheios, o que a criatividade sugerir, fiquei imaginando como o de frango desfiado deve ficar bom, fazendo da mesma forma que foi feito com o atum. 
O de blanquet de peru fica uma delícia, mas sempre acho o de atum mais gostoso.

Em Brasília, costumo encomendar o "filão"  na Panificadora  Pão Italiano da comercial da 116 Norte.
E em Fortaleza, costumo encomendar o "baguetão" no Empório Delitalia na av. Desembargador Moreira, 533.

Sanduíche de metro sem lactose


sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Especial Fortaleza - Balu Doces



Quem é de Fortaleza sabe da tradição e qualidade dos produtos da Balu Doces, uma das melhores confeitarias da cidade.
O preço dos produtos não é tão acessível, mas encomendar qualquer coisa lá não tem erro, sucesso garantido.
Nas minhas férias, escrevi um e-mail perguntando quais produtos eles teriam sem lactose, já que contam com alguns sem glúten no cardápio. A nutricionista me respondeu e eu repasso as informações aqui.
Os bolos de frutas, de macaxeira, de pé de moleque e o quindão contém margarina, o bolo de batata contém manteiga e o bolo de grude é completamente sem derivados do leite. Desses, o pé de moleque, o grude e o quindão também não contém glúten.
Dos salgados, eles tem o bolinho de bacalhau que contém manteiga e a saltenha que não contém nenhum derivado de leite. 
A Balu aceita encomendas e é sempre bom na hora do pedido confirmar a informação e reforçar o cuidado no preparo se você tiver algum tipo de intolerância.
Quem tiver maiores dúvidas a esclarecer,  pode escrever para contato@baludoces.com.br
Se estiver na cidade, pode conferir essas delícias nos endereços: Av. Pe. Antonio Tomás, 2133 ou   Av. Monsenhor Tabosa, 1717.